Streetlight Manifesto no WROS Fest 2012, 03 e 04/11

Image

Este mês de novembro era esperado, para muita gente, pelo grande número de feriados e emendas que marcam esse período no calendário de 2012. Porém, a galera que curte hardcore, ska-punk e, por que não dizer, música underground em geral, tinha um motivo especial para esperar a chegada do mês: no final de semana de 03 e 04/11, aconteceu o primeiro grande festival internacional de hardcore no país: o WROS Fest 2012.

Promovido pela Web Rockers e tendo sido realizado no grande e aconchegante Espaço das Américas, em São Paulo, o WROS Fest marcou a volta ao Brasil de algumas bandas representativas do cenário punk rock/hardcore mundial, como o Rise Against, que foi headliner nos dois dias do evento, o Anti-Flag e o Pennywise (com a volta de seu vocalista original, Jim Lindberg), entre outras. As bandas brasileiras Dead Fish e Garage Fuzz também marcaram presença, como um forte aquecimento para os shows das bandas gringas.

No line-up do evento, em meio a tantos nomes reconhecidos do público fã de hardcore e punk rock, uma banda destoava das demais: o Streetlight Manifesto. Não que tivesse qualidade inferior às outras, de jeito nenhum, mas por ser o único dos grupos que baseia suas músicas no ska. Tendo tocado no Brasil em 2011, a banda norte-americana veio pela segunda vez ao país, sendo que, inicialmente, iria tocar apenas no dia 3, porém, como o Glassjaw não pôde participar do evento por causa das consequências da passagem do furacão Sandy pelos EUA, a banda foi confirmada para tocar também no dia 4, substituindo a banda supracitada.

Marcante por ter quatro músicos que tocam instrumentos de sopro em sua composição, o que para uma banda de ska-punk é raro de se ver, o Streetlight Manifesto possui músicas que trabalham muito bem esses instrumentos. Tanto que, nos shows, o vocalista Tomas Kalnoky fica na parte lateral do palco, enquanto os instrumentistas de sopro dividem o centro.

No dia 3, o Streetlight Manifesto foi a terceira banda a tocar, e entrou no palco mais ou menos quando o relógio marcava 18h. Iniciando sua apresentação com “Everything Went Numb” e vendo um público já bastante anisoso e empolgado, a banda mostrou a todos sua costumeira animação e interação com a plateia, principalmente por parte dos instrumentistas de sopro, que nos momentos em que as músicas não exigiam suas participações, procuravam agitar e dançar, contagiando a galera.

Nesse ritmo, o show foi acontecendo, trazendo ao público presente muita emoção e diversão ao som de músicas como “We Will Fall Together”, “Down, Down, Down to Mephisto’s Café”, “Watch It Crash” e “A Moment Of Silence”, entre outras, para ser finalizado com “Somewhere In The Between”. Ao final, a plateia entoou o famoso coro “One more song! One more song!”, que infelizmente não pode ser atendido pela banda por determinação da organização, visto que o cronograma estava sendo seguido rigorosamente.

No segundo e último dia do festival aqui em Sampa, 04/11, a banda repetiu praticamente o mesmo set list, variando apenas uma ou outra música. A empolgação dos músicos foi a mesma do dia anterior, o que refletiu no público e fez com que este também pulasse, cantasse e reproduzisse os sons dos metais com a boca, algo bastante comum em shows de ska.

Com isso, posso dizer que assistir a dois shows do Streetlight Manifesto em apenas um final de semana é um privilégio e, quanto ao WROS Fest, vale a espera e a expectativa para ver quais as atrações que a organização vai trazer para a edição de 2013, já que o festival promete ser anual. Cá entre nós, bem que poderiam trazer não só uma, mas umas duas bandas de ska, não é? Seria pedir demais?

Ainda a respeito do WROS Fest, além do Brasil, o evento passou pela Argentina em 6 e 7 de novembro e pelo Chile nos dias 8 e 9 do mesmo mês.

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: